segunda-feira, 15 de maio de 2017

UGT e Siemaco contra a retirada de direitos dos trabalhadores

A precarização das condições de trabalho e ampliação do prazo para aposentadoria que estão sendo propostas nas reformas trabalhista e previdenciária foram temas de reunião da União Geral dos Trabalhadores do Paraná (UGT) que aconteceu hoje (15) na sede do Siemaco. Já na abertura do evento, Paulo Rossi, presidente da UGT-PR, explicou a posição da Central. “Não somos contra as mudanças, até porque entendemos que ajustes são necessários, mas existem outros meios que não seja a retirada dos direitos conquistados pelos trabalhadores a duras penas”.

O deputado federal Luciano Ducci, comprometido com os trabalhadores e contra as reformas que estão sendo propostas afirmou que é uma falácia dizer que as medidas propostas vão gerar empregos. “O que vai gerar emprego é o desenvolvimento da economia”, disse o Deputado. A reforma previdenciária também foi duramente criticada pelo parlamentar. “A proposta não é justa porque não leva em consideração questões sociais e demográficas”, afirmou Ducci, exemplificando que, se considerada a atual expectativa de vida no país, muitos brasileiros, não se aposentarão nunca.

Outra questão apontada pelo Deputado Luciano Ducci é que o regime geral da Previdência não pode ser tratado junto com regimes próprios. Maria Donizeti Teixeira Alves, presidente do Siemaco de Ponta Grossa e diretora da UGT reforçou a posição do deputado. “São 30 milhões de pessoas no regime geral do teto da Previdência totalizando R$ 150 milhões mensais e no regime próprio são 3 milhões de aposentadorias que custam aos cofres R$ 165 milhões.”, disse a sindicalista.

A necessidade de resistência e luta contra as reformas atuais foram defendidas por todos os representantes sindicais presentes. “Caravanas de trabalhadores de todo o Brasil vão a Brasília dia 24/05 para pressionar os deputados a votarem contrários ao retrocesso dos direitos da classe laboral”, disse Manassés Oliveira, presidente da Feaconspar (Federação dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Paraná) e diretor da UGT.

UGT condecora parlamentares que estão a favor dos trabalhadores

No final da reunião, o Deputado Luciano Ducci recebeu da UGT uma placa de “Honra ao Mérito”. Assim como ele, outros parlamentares do Paraná que se posicionaram a favor dos trabalhadores vão receber as homenagens. São eles: Aliel Machado (REDE), Assis Couto (PDT), Christiane Yared (PR), Enio Verri (PT), Fernando Francischini (Solidariedade) e Leopoldo Meyer (PSB).