sexta-feira, 20 de julho de 2012

Produtos de Higiene e Limpeza sobem mais do que a inflação no Paraná

A pedido da Feaconspar (Federação dos Empregados em Empresas de Asseio e Conservação do Paraná) o DIEESE (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Sócio-econômico) está efetuando uma pesquisa sobre os preços dos produtos de Limpeza e Higiene em Curitiba. O acompanhamento subsidia a Federação nas Negociações Coletivas e nas Concorrências Públicas do Setor, além de ser mais um serviço prestados à sociedade paranaense.
“Há muitos anos existe o acompanhamento dos preços da cesta básica de alimentos nas principais capitais brasileiras, mas ninguém verificava o comportamento dos valores dos produtos de higiene e limpeza que também fazem parte das necessidades mensais das famílias e das empresas de prestação de serviços de asseio”, explica Manassés Oliveira, presidente da Feaconspar.
Os Produtos de Limpeza e Higiene apresentaram variações de 0,88% em junho/2012, de 4,08% no 1º semestre de 2012 (jan-jun) e de 8,11% nos últimos12 meses (jul/2011 a jun/2012), sendo que a variação nos últimos 12 meses foi superior a inflação (INPC) do período, que ficou em 4,90% conforme tabela abaixo.


jun/2012
ano
12 meses
Total
0,88
4,08
8,11
Artigos de Limpeza
1,99
3,35
5,99
Artigos de Higiene
0,16
4,56
9,55




INPC
0,26
2,56
4,90

No mês de junho/2012 os Produtos de Limpeza e Higiene apresentaram um aumento de 0,88%, sendo que os produtos de Limpeza apresentaram aumento de 1,99%, influenciada principalmente pelos aumentos nos preços no Sabão em pó (2,70%), Esponja de louça (4,04%), Detergente líquido (2,79%) e no Sabão em barra (1,31%); e nos produtos de Higiene verificou-se aumento nos preços de 0,16%, com destaque para as altas nos preços do Creme dental (2,02%), Bronzeador (4,16%) e no Xampu (0,67%), apesar da queda verificada no Papel higiênico (-1,29%).

Com relação à variação (diferença entre o maior e o menor) de preço observa-se que no mês de junho/2012, os destaques foram:
 - nos produtos de Limpeza as maiores variações foram observadas no Balde (195,00%), Água sanitária (81,25%), Sapólio em pó (77,82%), Pano de chão (74,19%) e no Desinfetante (73,64%); e as menores no Sabão em barra (31,36%), Esponja de louça (32,55%) e no Cera para assoalho (32,63%).
- nos produtos de Higiene as maiores variações foram verificadas no Creme para pele - Vasenol (87,56%), Bronzeador (77,94%) e no Creme para pele - Nívea (70,21%); e as menores variações no Desodorante (30,00%), Xampu (30,62%) e no Papel higiênico (33,43%).